19  3251.3297

Localização



 

Coluna Sem Dor
Avenida Doutor Luís de Tella, 1615
Cidade Universitária II

Campinas - São Paulo CEP: 13083-000 - Brasil
(19) 3251-3297
 

 

 

 

Por: Felipe Ribeiro Mascarenhas  CREFITO-3 27386-F

Fisioterapeuta

www.colunasemdor.com.br

 

 

Dr. Andrew Taylor Still nasceu 1829, e alguns acontecimentos marcantes em sua vida culminaram no surgimento da Osteopatia.
 
Quando criança sofria de enxaqueca, certa vez descobriu que tinha algum alívio repousando sua nuca sobre o fio de um varal. Sempre que sentia o desconforto repousava sua cabeça, até que um dia enquanto fazia seu repouso sentiu um estalo em sua cervical, e após esse dia nunca mais teve crises de enxaqueca.
 
Seu pai era médico e missionário, e prestava assistência para aldeias indígenas. Por isso viveu perto de índios onde teve oportunidade de ver os velhos índios xamãs trabalhando. Em suas práticas de cura pode ver que alguns xamãs manipulavam a coluna do índio enfermo, e este logo sentia alívio de seus problemas. Essas observações chamou sua atenção para o ato da manipulação, que foi mais tarde estudada de forma científica.
 
Aprendeu medicina com o pai. Naquela época a medicina podia ser aprendida de pai para filhos e posteriormente o aspirante a médico refinava seu aprendizado em uma faculdade.
 
Foi cirurgião durante guerra civil, onde pode fazer centenas de cirurgias. Nessa época sentiu sua primeira decepção com a medicina. Sentia-se impotente diante da dor de seus pacientes, e sentia que os remédios que utilizava pouco podiam ajudar.
 
Em 1864 perde seus 3 filhos em um surto de meningite. E mais uma vez sentiu o peso da impotência. Desta vez resolveu parar de exercer a medicina e voltou para a faculdade. Em seu diário escreveu dizendo que o que fez tomar esta atitude não foi a decepção e impotência de ter perdido seus filhos, e sim a ineficácia dos atos médicos e medicamentos que pouco faziam pelos seus pacientes. Desta forma decidiu juntar todo o conhecimento médico disponível, e usa-lo de forma coerente para se ter um bom resultado.
 
Podemos dizer que em1874, após 10 anos de estudo surge a Osteopatia, com primeiro caso relatado de um tratamento. Havia um surto de disenteria hemorrágica na região onde vivia e muitas crianças estavam morrendo do mal. Still realizou o primeiro tratamento que podemos chamar de osteopático. Após perceber as alterações do paciente realizou manipulações no sentido de reestabelecer as funções orgânicas da criança. Após o tratamento a criança teve condições de se curar, e sarou sem o uso de remédios. Após essa rica experiência ainda realizou cerca de 200 tratamentos semelhantes de crianças que sofriam do mesmo mal, e todas se curaram sem usar remédios. A partir daí Still pode desenvolver sua nova medicina, que chamou de Osteopatia. Por motivos óbvios ganhou notoriedade e fama, e chamou a atenção de médicos do mundo todo.
 
No ano de 1892, fundou a  American School of Osteopathy, onde teve a oportunidade de formar mais de 5000 Osteopatas do mundo todos. E estes se encarregaram de dar continuidade ao seu trabalho após seu falecimento em 1917. Embora tenha sido perseguido por médicos que não compreendiam seu trabalho, a mando da indústria de fármacos, Still foi reconhecido por profissionais sérios e pela comunidade onde desenvolvia seu trabalho.
 
 
 
No mesmo ano de sua morte foi fundada a “British School of Osteopathy”, que é hoje uma das escolas mais tradicionais do mundo. De onde saíram inúmera inovações para o tratamento osteopático.
 
 
Em 1975, um fisiologista chamado de Irwin Korr, do National Institute of Neurological Disorders, realizou um Work Shop para Senado Americano, onde demonstrou todo o principio científico e neurofisiológico da osteopatia. Através desses estudos e comprovações o Senado americano decidiu reconhecer a Osteopata e a Quiroprática como profissões.
 
Na década 80, surgiram os primeiros cursos de Osteopatia no Brasil. Eram cursos pequenos, mas que davam uma boa base para o tratamento osteopático.
 
Em meados da década de 90, foi quando se iniciou o primeiro curso de formação completa em Osteopatia no Brasil e mais tarde, no ano de 2001 Osteopatia é reconhecida no Brasil como Especialidade da Fisioterapia.
 
Nos últimos anos a osteopatia vem se desenvolvendo e crescendo no Brasil. Hoje podemos contar com a experiência de diversos brasileiros que há mais de 10 anos vem atuando e lecionando sobre o assunto.
 
Outro livro de leitura obrigatória é o Auto Biografia de A. T. Still, onde ele narra toda a trajetória da sua vida, e sua relação com a Osteopatia. Lá é possível compreender a mente desse extraordinário médico, que nos introduziu a esse revolucionário método.
 
 
Copyright © Todos os direitos reservado para Felipe Ribeiro Mascarenhas
 
Atenção!
Se você deseja reproduzir, ou divulgar esse texto deve inserir o nome do autor e o endereço do site www.colunasemdor.com.br logo abaixo do título do texto.

 


   
 NEWSLETTER
 REDES SOCIAIS

Coluna sem Dor® - Produzido por Dinamicsite